Seja bem-vindo.

Releases
(09/10) Ministério da Agricultura regulamenta provas de laço
O Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (MAPA) acaba de regulamentar, por meio da Portaria 199/2019, publicada em edição extra do Diário Oficial da União do último sábado (05), as modalidades equestres de laço – individual, laço em dupla e laço comprido. No domingo, durante a abertura do 40º Potro do Futuro, 13ª Copa dos Campeões, 5º Derby e 2º Juvenil, da ABQM (Associação Brasileira de Criadores de Cavalo Quarto de Milha), foi veiculado um vídeo gravado pela ministra Tereza Cristina Corrêa da Costa Dias, especialmente para os participantes do evento, informando a regulamentação.
 
Todas as competições em território nacional estão agora respaldadas pela portaria. Para o presidente do SIRAN (Sindicato Rural da Alta Noroeste), Fábio Brancato, a regulamentação traz segurança jurídica para os organizadores e participantes desses eventos em todo o país. “Hoje, com a regulamentação, acabou o receio de que alguém pode entrar com alguma ação, para barrar o evento. Agora, temos segurança e respaldo da lei para fortalecer ainda mais este evento e os próximos”, afirma.
 
O texto da norma é decorrente de uma proposta formulada pela ABQM e garante o zelo pelo bem-estar animal dos bovinos e equinos participantes da prática desportiva. “Nós concluímos mais uma grande etapa para a garantia de nossos esportes equestres, o que nos possibilitará uma segurança jurídica que jamais havíamos obtido”, reforça o presidente da ABQM, Cicinho Varejão.
 
A nova lei assegura a proteção dos animais, e prevê punições para os casos de descumprimento. “Provas tendem a ser melhores daqui para frente, sempre buscamos evoluir e nós temos que continuar pesquisando, corrigindo as falhas, enfim, crescendo. Com a regulamentação, também iremos conquistar mais espaço e confiança, fazendo com que cada vez mais pessoas queiram conhecer o nosso trabalho”, ressalta o presidente do Conselho Administrativo da ABQM, Sérgio Ricardo Pulzatto.
 
O prefeito de Araçatuba (SP), Dilador Borges, que também esteve na abertura dos eventos da ABQM, comentou o assunto. Para ele, a regulamentação era um desejo antigo de todos, e dá o direcionamento correto do que pode ou não ser feito nas competições. “A lei vale para todo o país, e veio somar segurança a todos os eventos ligados à montaria, não só para os competidores e organizadores, mas principalmente para os animais”, finaliza.
 
Os Eventos
 
As competições da ABQM no maior, mais moderno e tecnológico Complexo Esportivo Equestre da América Latina, ocorrem de 6 a 13 de outubro, em Araçatuba (SP), superando edições anteriores em número de inscritos, cavalos e competidores. Juntos, os quatro eventos (40º Potro do Futuro, 13ª Copa dos Campeões, 5º Derby e 2º Juvenil) receberam 7.589 inscrições. O crescimento em relação às competições de 2018, realizadas em Londrina (PR), foi de 3,4%.
 
A participação de competidores e animais também aumentou. Participam 1.468 atletas profissionais e amadores – crescimento de 10% no comparativo com 2018 –, e 2.598 cavalos, 11% a mais. Provas de 18 modalidades estão sendo disputadas nas arenas no recinto de exposições Clibas de Almeida Prado. Entre as modalidades do Potro do Futuro do Quarto de Milha que registraram aumento no número de inscrições, destaque para o Ranch Sorting, que apresentou um crescimento de 55%, em relação ao evento realizado em 2018, saltando de 183 para 283 conjuntos inscritos. Em seguida está o Team Penning, com acréscimo de 52% nas inscrições, passando de 77 para 117.

Página Anterior
 

Melhor Notícia Comunicação - Todos Direitos Reservados

Twitter
Facebook
FlickR
Youtube